Follow by Email

quinta-feira, 9 de junho de 2011

A CORAGEM

"Corajoso é aquele que teme o que se deve temer e não teme o que não deve se temer." (Tolstoi)

A quem devemos temer? Somente a Deus e há nada mais.

O medo faz com que o homem abdique da sua coragem, mas a ele não devemos temer, devemos ter coragem e enfrentá-lo.

Quem tem Deus em seu interior tem coragem, tem fé e confiança, sabe que tudo se resolverá, passa a ter controle espiritual e o seu pensamento não irá fantasiar temores.

A maldade faz o homem temer, qual será a maneira de vencê-la? Ou de estar blindado de suas reações? É necessário viver na bondade, blindados com a proteção divina.

Se agirmos com bondade, a reação será boa e elevará o nosso espírito, mas existe algo não bom, somente com a misericórdia divina essa reação será anulada.

O mal também é fruto da imaginação, dos pensamentos materiais, que aprisionam o homem em um mundo de desejos, causando temor, onde estará Deus nessas horas? O homem dele se esquece ao ponto de ficar neste estado de descontrole e passa a temer a tudo, ficando perturbado.

Se vivermos na bondade de Deus, teremos a paz de espírito que somente ele pode nos proporcionar, estaremos desapegados do mundo material, servindo ao nosso Senhor, realizando a sua vontade, estaremos em equilíbrio espiritual e conscientes.

Se vivermos conscientes, na bondade, conectados com Deus, só a ele temeremos, e a coragem estará sempre com o homem que caminhará perseverante, viverá aqui, mas realizará tudo servindo a Deus, não para proveito próprio, mas do nosso "Todo Poderoso Creador".