Follow by Email

quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

QUEM EU SOU? O QUE EU SOU?





Rev. Augusto Frederico Kirchhein


“A forma como você se considera está diretamente relacionada com a felicidade e o bem-estar. Muitas pessoas se odeiam, se consideram horríveis, nada vêem de positivo, de útil em si; daí, andam tristes, choramingando e mal-humoradas. Atentos ao fato, diversos educadores e profissionais da motivação coletiva enfatizam e dão dicas para uma auto-valorização. Ensinam a dizer: “sou vencedor”; “eu posso”; “eu sou especial”. (Rev. Augusto Frederico Kirchhein)

Muitas pessoas respondem quem são e o que são de acordo com sua imagem, sua fisionomia, a maneira como se comportam na sociedade, ou até pelo que as outras pessoas dizem delas.

Essas pessoas consideram quem são e o que são de acordo com sua felicidade e o momento pelo qual estão passando, tiram conclusões de acordo com fatores corporais e externos a sua alma.

Muitas pessoas não gostam do que são e nem de quem são, vivem frustradas e em infelicidade, com uma crise de identidade constante.

Nós somos creaturas de Deus, somos seus humildes servos, mas nem todos pensam assim e querem ser donos do mundo.

Vivemos no mundo para fazer o bem, amar e respeitar o próximo, aprendermos a sermos humildes e amarmos a Deus, pois o homem é uma creatura finita, mas Deus nos dá uma vida eterna e cheia de paz. Basta que o homem ame a Deus, tenha fé, seja obediente e deixe que ele preencha o vazio que existe no ser.

Se vivemos de acordo com a vontade de Deus, viemos autorealizados, felizes e sabendo quem somos e o que somos.