Follow by Email

sábado, 5 de julho de 2014

A DESCOBERTA DA VIDA NO MUNDO MATERIAL



(Omar Khayyám – Omar Iben Ibrahim El-Khaiami)


Se me tivessem consultado
sobre minha vinda
até estas paragens,
eu teria dito: – Não!

A própria existência,
se dependesse da minha vontade
tê-la ou não a ter,
eu opinaria
pela negativa.

Lastimei-me!
Quanto me queixei
por haver caído
neste cárcere asfixiante!

Lamentei haver nascido,
crescido
e vivido nele!
Lamentações e mais lamentações!” (Omar Khayyám – Omar Iben Ibrahim El-Khaiami)

Após a nossa chegada ao mundo espiritual, lá deveremos permanecer, mas, se de algum modo tivermos algum desejo material, iremos nascer novamente no mundo material.

Por isso, quando o homem têm a compreensão, o discernimento e a consciência de mundo material e mundo espiritual, ele quer voltar a sua morada e não mais nascer no mundo material.

Aqui estamos para aprender a servir a Deus, a amá-lo acima de tudo, a vivermos em amor e devoção, com consciência e libertos do apego e dos desejos materiais. Pois, quando estamos apegados ao mundo material, aqui continuamos a existir.

O mundo material é comparado a um cárcere asfixiante, mas o Senhor nos deu o fôlego da vida, a nossa alma está conectada a ele e mesmo diante da asfixia, conseguimos viver com a força vital que ele nos dá.