Follow by Email

quinta-feira, 19 de junho de 2014

O HOMEM NATURAL



(Bernard W. Snelgrove)


O que é “homem natural”? O homem natural é aquele que não tem entendimento espiritual. O homem natural não tem condição alguma de agradar a Deus e muito menos de fazer algo por si mesmo. O talento natural – e tudo o que o homem é naturalmente – em nada glorifica a Deus, somente glorifica (manifesta) o próprio homem.” (Bernard W. Snelgrove)

O homem natural vive por viver, não descobriu o real sentido da vida e quer sempre desfrutar do mundo cada vez mais.

O homem natural gosta de ser servido, de reinar, de comandar, acha que é capaz de tudo, um todo poderoso.

O homem natural é totalmente dependente dos outros, não consegue viver sozinho, pois, existe um vazio em seu coração.

O homem natural vive de emoções, instintos e impulsos, é apaixonado e ignorante, mas também pode ser bondoso em certos momentos.

O homem natural sempre age com interesses predeterminados, de tudo quer uma contraprestação, não faz nada por bondade, amor e amizade.

O homem natural utiliza seus talentos para se glorificar, mostrar superioridade, ele sempre é melhor que os outros, bem como seus talentos.

O homem natural é preso ao ciclo de nascimentos e mortes, se perdeu, não sabe retornar à sua origem, não sabe quem é, de onde veio e para onde vai, seu futuro é morrer e nascer.

O homem natural vive influenciado pelos modos da natureza, não tem fé, não tem esperança, vive a toa na vida.

O homem natural vive de ilusões e sofrimentos, se acha um rei no mundo, mas, na verdade, não passa de um escravo do mundo.

O homem natural é materialista, vive frustrado e tentando preencher o vazio que há dentro de si mesmo, é espiritualmente morto.