Follow by Email

quinta-feira, 18 de julho de 2013

CALCE OS MEUS SAPATOS E PERCORRA O CAMINHO QUE EU PERCORRI



Clarice Lispector – Helen Palmer

Antes de julgar a minha vida ou o meu caráter, calce os meus sapatos e percorra o caminho que eu percorri, viva as minhas tristezas, as minhas dúvidas e minhas alegrias. Percorra os anos que que percorri, tropece onde eu tropecei e levante-se assim como eu fiz. E então, só aí poderás julgar.” (Clarice Lispector – Helen Palmer)

Muitas pessoas julgam os outros pelas aparências ou por apenas um único fato.

Um julgamento errôneo e superficial, incapaz de conhecer as pessoas e os motivos que levaram-na a agir ou pensar daquele modo.

Ninguém conhece uma pessoa em um só dia, todos julgamento possui valores e o próprio julgador possui valores que consciente ou inconscientemente irão agir no momento do julgamento.

É muito fácil julgar sem conhecer o caminho percorrido por quem está sendo julgado, sem viver os mentos que ele viveu, sem ter levado as mesmas quedas que ele levou, sem ter procurado encontrar as mesmas forças que ele encontrou para se levantar depois das quedas e recaídas que ele teve.