Follow by Email

sexta-feira, 5 de agosto de 2011

A BUSCA DO CONHECIMENTO

"Geômetra, que o espírito crucia
Para o círculo medir, em vão procura
Princípio, que ao seu fim mais conviria:
Assim eu ante a nova visão pura.
Ver anelara como a imagem humana
Ao círculo se adapta e alí perdura.
Às asas minhas fora empresa insana,
Se clareado a mente não me houvesse
Fulgor, que a posse da verdade aplana.
À fantasia aqui valor fenece;
Mas a vontade minha a idéias belas,
Qual roda, que ao motor pronta obedece,
Volvia o amor, que move o Sol e Estrelas." (Dante Alighieri)

A busca de conhecimentos não pode cessar mesmo na obscuridade encontramos saídas e respostas. A quebra de paradigmas nos mostra conceitos antes implícitos e ocultos que aguardavam ser descobertos, bastou à pureza de um olhar, uma maior atenção ao observar e surgiu uma nova descoberta. Que se adapta à realidade e traz uma grande contribuição, seja ela fantasiosa por não ter resultados concretos, mas que do abstrato se proclama que existam certezas. Ou já seja uma realidade comprovada com suas conclusões analisadas a e aprovadas. Uma intuição com amor e sinceridade poderá levar aos grandes resultados, desde que haja um meio que conduza o saber à prática de seus resultados, neles estarão sendo ou já terão sido confirmados os objetivos pretendidos.